terça-feira, 27 de maio de 2008

Amor de Mãe

Amor de mãe...é perdoar,
amor de mãe...é sofrer,
amor de mãe...é chorar,
amor de mãe...é alegria para lhes oferecer.


Amor de mãe...é esperança,
de um amanhã, não ser pior.
Os filhos são a sua herança,
que ela tem de melhor.


Vivendo um dia, de cada vez,
para os obstáculos, da vida superar.
Com a maior da lucidez,
ver seus filhos, vida formar.



No seu puro sentir,
seu amor não terá fim.
Tenho que admitir,
que ela é única...para mim.


Se for preciso... chorar,
se for preciso...sofrer.
Sofre por nos amar,
e chora para nos consolar.

Amor de mãe e filho,
é um amor especial.
Com meu filho, partilho,
este amor...como outro não há igual.



È um amor de preocupação,
é um amor infinito
é um amor,que se carrega no coração,
o amor de mãe...que é o amor mais bonito



Não existe explicação,

nem palavras para o descrever.

Ser mãe dá-nos grande emoção,

de gerar dentro de nós,um novo ser.

Realizado por:

Cristina B.das Neves Bernardo

28 de Maio de 2008

3 comentários:

Divinius disse...

Vive e muito.
BJS:)*

Perla disse...

Sem dúvida, amiga!
Não há amor como o de Mãe!
E, muitas vezes, só quando somos mães é que sabemos dar o devido valor.

Beijo

Poeta Mauro Rocha disse...

E olha que nem é dia das mães, muito bonito seu poema e mãe merece todos os dias.

MAURO ROCHA